domingo, 3 de fevereiro de 2008

MEUS DESEJOS

São tantos os meus desejos
Você nem queira imaginar!
Desde à prisão das aves-de-rapina
Ladrões do erário público
Confisco dos "seus" (nossos) bens
Até à mudança das barreiras atitudinais

São tantos os meus desejos
Ter sua boca na minha boca
Suas mãos em meu sexo
As minhas em teus seios
Que meu orgasmo seja pleno
Como o seu sorriso

Paula Abreu

2 comentários:

Ligia Maia Tostes B. de Rezende disse...

Parabéns pelo blog! Muito bem montado, as poesias são ótimas e profundas.
Abraços.

Julio Fonseca disse...

Adorei o post!

Já que estamos falando da arte de sonhar, dêem uma olhada neste video do youtube http://www.youtube.com/watch?v=hyaX3JgPLVk, ou acesse o site www.meus3desejos.com.br. Tenho certeza que vocês irão gostar.

Abs.